Como arrumar a mala

Tem quem ache fazer a mala uma delícia, um portal de entrada pro clima de viagem… Ahhh!!! E tem quem ache um porre. Gostando ou não, quem vai viajar precisa passar pelo ritual. Fato!

Pra tentar ajudar os desavisados ou alucinar ainda mais os maníacos, aí vão algumas dicas de como arrumar a mala de maneira a otimizar o espaço e não amassar muito o figurino.

Como arrumar a mala

1. Em primeiro lugar, separe tudo o que quer levar e coloque em cima da cama (ou de uma cômoda). Se você é um pouco atrapalhado e não sabe por onde começar, uma boa dica é se concentrar em um item do guarda-roupa por vez (calças, shorts, camisetas, calçados…) e não ir pinçando peças aleatoriamente. Isso vai garantir que você pense em cada peça do vestuário e vai diminuir a chance de esquecer alguma coisa.

Mujeres: eu SEI como é difícil a missão de escolher o que vestir e ainda mais se for para se arrumar fora de casa, mas a situação pede destreza e a melhor forma de combater a indecisão é colocar na mala looks prontos (este short vai com esta camisa e com este cinto). Assim você economiza seu tempo em escolher o modelito quando já estiver curtindo a viagem e não corre perigo de ter que montar combinações cafonas…)

Quando tudo estiver sobre a cama, você vai ter uma noção da quantidade de roupa que pretende levar. Se percebeu que exagerou, pratique o desapego! Esta é a hora de tirar do bolo aquelas peças que você teima em carregar, mas sabe que não vão sair da mala.

2. Com tudo a postos, o quebra-cabeça começa. O que entra na mala primeiro são as calças (e saias longas, se houver). Dobradas em comprido ao meio, elas devem cobrir o fundo da mala de forma que sobre uma parte pro lado de fora. Esta sobra irá cobrir o restante das coisas no fim da arrumação ajudando as roupas a não ficarem sambando dentro da mala. Essa maracutaia toda também faz com que as calças fiquem esticadas, evitando aqueles amassados horrorosos no joelho.

3. Com o fundo pronto, as roupas dobráveis podem vir (camisetas, blusas, shorts). Como estas geralmente já ficam dobradas no armário, na mala também podem ficar em montinhos.

4. Já as roupas de tecidos escorregadios não merecem a sua dedicação em tentar dobrá-las. Você vai arriscar, se irritar e nunca conseguir deixá-las no lugar. É ou num é?! Diacho! Com elas o tratamento é na base do rolinho. Enrole uma a uma e encaixe-as nos cantinhos da mala. Assim elas não vão deslizar e você vai aproveitar os espaços inutilizados.

5. Os casacos vão por cima dobrados em comprido (se possível dobre somente as mangas). Vire-os do avesso para os pelinhos de lã das outras roupas não grudarem ou, no caso de casacos de couro, para objetos pontudos não arranharem o tecido.

6. Os calçados ensacados em pares vêm por cima e pelos lados tampando os buracos.

7. Se a mala tiver um compartimento separado para itens menores (como na foto), lá vão os acessórios (cintos, bonés, bolsas…) e as roupas íntimas. Se não tiver esta divisória, os cintos podem ir dentro da bolsa ou boné e, estes, encaixados nos cantos.

DICA: Mesmo com o compartimento magaiver, é recomendado que os underwares vão em uma saculinha. Se por algum motivo você tiver que abrir a mala na fila do check-in ninguém vai ser obrigado a ver a sua coleção de calcinhas. #vergonha

8. Por fim, a necessaire e sua temida possibilidade de melecar toda a mala. Para não correr este risco, ensaque os shampoos, cremes e afins antes de fechá-la.

Pra acabar…

- Aquele cinto que existe dentro da mala não é enfeite. Não se esqueça de usá-lo antes de fechar a mala.

- Leve sempre uma sacola vazia na mala para colocar as roupas sujas e não precisar misturá-las às limpas e cheirosas.

- Coloque uma etiqueta com seus dados na bagagem para caso de extravio.

- E não se esqueça do cadeado. Quem avisa amigo é…

Alguma outra dica viajantes?!

O que vestir (e não vestir) em viagens longas

O que vestir em viagens longas, o que vestir para viajar, como se vestir para viajar, looks de viagemLonge de mim dar dicas de moda! Deixo essa missão pras blogueiras Camila Coutinho e Lalá Loneto que entendem e muito bem do babado. O meu lance com roupa tem a ver com conforto na hora de viajar!

Viagens longas pedem uma atenção maior no que vamos vestir pra não fazer o nosso querido corpitcho sofrer. E isso não vale só pra viagens de avião não, viagens demoradas de carro, busão ou trem também merecem esse cuidado.

Meninas: Deixem o salto alto, a calça jeans da Gang e as bugigangas metálicas na mala pra passear quando chegarem ao destino, mas never se produzam com eles pra embarcar. O pé, que normalmente já incha em viagens, vai virar um pão e não vai conseguir entrar no sapato, a calça jeans colada vai praticamente virar parte de você e as bijus ou vão te arranhar ou você irá perdê-las. #fato

Para os pés prefira sapatos baixos, como tênis, sapatilha confortável ou bota sem salto, e não se esqueça de nunca estrear um calçado em uma viagem. Para cobrir as pernas, tecidos de malha deixam o movimento livre. Minhas peças preferidas são legging e saia longa. Para cima, uma t-shirt faz o serviço debaixo de um casaquinho ou jaqueta pra contar na hora do frio. Uma pashmina também ajuda a virar travesseiro ou cobertinha e não pesa nada.

Meninos: Apesar da calça jeans masculina ser folgada (ou deveria ser kkk), o tecido não é maleável e isso não deve ajudar muito vocês sabem aonde se tiver que passar muito tempo sentado. Calças de sarja ou até um moletom ajeitado são uma opção confortável pra viajar. Sandálias masculinas também substituem o tênis e deixam o pezão respirar. O lema “não estrear um calçado na viagem” também vale pra vocês. É bom carregar um cardigan (casaco “molinho”) pra não congelar no ar condicionado.

Bom, o recado tá dado! Aposte no conforto que o corpo não vai reclamar.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 57 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: