Travessia Tongariro, uma trilha de 8h no Norte da Nova Zelândia

A Travessia Tongariro (ou Tongariro Alpine Crossing) é considerada a melhor trilha de um dia da Nova Zelândia e dizem que uma das top 10 do mundo inteiro. Para quem curte uma aventurazinha, daquelas com horas a fio sem sinal de civilização e vulcão em atividade (em atividade mesmo, um deles entrou em erupção em novembro de 2012), é um prato cheio.

O grande lance desta aventura toda é ser surpreendido por uma sequência de cenários incríveis que mudam completamente ao longo da caminhada. Cascalho, riacho, vulcão, lago, terra batida, mato fechado, neve no topo da montanha… É uma experiência que só se vive lá e que eu recomendo demais como um must do da Nova Zelândia.

Travessia TongariroTravessia TongariroTravessia TongariroTravessia TongariroTravessia TongariroTravessia TongariroTravessia TongariroTravessia Tongariro

Guia não-oficial para visitar Tongariro

Onde fica? A trilha fica dentro do Tongariro National Park, na ilha Norte da Nova Zelândia – pertinho da cidade de Taupo. O lugar foi inclusive um dos cenários da filmagem da trilogia Senhor dos Anéis (tá lembrado de Mordor?!).

O percurso? A Travessia consiste em literalmente atravessar o Monte Tongariro, que começa em Mangatepopo e termina em Ketetahi, na base do outro lado da montanha.

Travessia Tongariro

Distância da trilha? 19, 4 km.

Tempo de caminhada? 8 horas em média.

Grau de dificuldade? Classificado pelo próprio Parque como “desafiador”. Apesar desse terrorismo todo, muita gente faz a trilha e não é preciso ser um atleta pra completar ela com sucesso. Se duvidar da sua residência, pense duas vezes. É preciso sim conhecer seus limites.

Como chegar lá? Ônibus partem diariamente (quanto o clima permite) de Taupo e do National Park Village. Pra fazer o passeio, é só agendar o seu shuttle bus pela recepção de onde estiver hospedado e pagar uma taxa pelo transporte (a trilha em si não custa nada). Eles te buscam na porta do hotel ou albergue e deixam na base da montanha e, no fim do dia, te resgatam de volta do outro lado e devolvem sãos e salvos.

O que levar? Comida e muita água (não tem nada para vender na trilha – se você enxergar alguma banca é miragem). Kit primeiros socorros, protetor solar, celular em caso de emergências (existem pacotes de cobertura para celular à venda) e mapa da trilha (à disposição com o próprio shuttle bus ou aqui, no site do Parque).

O que vestir ? No verão: calça, camiseta/blusa, casaco e boné. Nos pés, botina! Tênis vão derrapar nos terrenos escorregadios. Pra fazer a Travessia no inverno é preciso experiência em alpes. Coisa pra gente grande!

Pipi-room? Tem um banheiro no início e outro no meio da Travessia.

*Minha experiência Tongariro: Fiz a trilha em 2009 sozinha (#aloka!) em 6 horas e 20 minutos contando com uma paradinha pra comer meu sanduba de frente pra um vulcão e outra pra fazer um pit-stop no banheiro. Meus pontos preferidos da Travessia foram o início da trilha (silêncio, sol da manhã e toda aquela grandiosidade da natureza à minha frente), os Lagos Esmeralda e o caminho beirando o topo da montanha. Uma super experiência!

Travessia Tongariro

7 comentários sobre “Travessia Tongariro, uma trilha de 8h no Norte da Nova Zelândia

  1. Oi Juliana! muito bom o post, esclareceu umas dúvidas que eu tinha hahah tu fizeste em qual mês? acredito que fevereiro seja bem movimentado né, pois é o mês que vou… tu sabes se essa bota tem em algum lugar para alugar? pois só tenho tênis… Obrigada! :)

    • Oi Tatiane! Que bom que algumas informações foram úteis pra você! Eu fiz este passeio em janeiro e estava sim bem movimentado, o que é bom porque a trilha é realmente bem longa e ver pessoas por perto dá uma certa segurança hehe. Não sei se existem estas botas pra alugar, mas não vejo problema em fazer a trilha com tênis. Um beijo, boa viagem!

  2. Oi Juliana, tudo bem?
    Adorei o texto! Me encorajou a fazer a trilha! Como vou no verão (fevereiro), estou mais empolgada ainda. A minha unica preocupação é com o tempo que ficarei pela área do parque nacional. Reservamos um hostel que fica literalmente no pé da montanha (Skotel Alpine Resort) e planejamos chegar lá no dia 14/02. Nosso roteiro planeja sair de lá já no dia 15/02 e por isso queríamos fazer a trilha no dia 14 mesmo. A duvida que tenho é quanto ao horário de saída dos ônibus e se é preciso reservar o mesmo. Além disso não sei se é possível pegar o ônibus perto do hostel onde vamos nos hospedar. Há algum site onde eu possa olhar os preços, reservas, horários dos transportes até a trilha?

    • Oi Letícia! Tudo bem? Eu reservei o ônibus através da recepção do próprio albergue quando cheguei lá, não fiz nenhuma reserva prévia. O hotel em que vocês vão ficar provavelmente também oferecem este serviço – uma sugestão seria pedir pra eles por e-mail como funciona o shuttle bus partindo de lá e já fazer a reserva. Mas se preferirem fazer o booking pela internet é possível pelo que acabei de pesquisar. Este site aqui oferece o booking online: http://www.tongarirocrossing.com/. Tem horários de saída pela manhã e pela tarde. Se vocês conseguirem sair de manhã é melhor, já que a trilha inteira tem uma duração de 8 horas. Uma coisa importante a notar é aonde o ônibus vai deixar vocês: no começo da trilha ou no final (no que eles chamam de estacionamento). Ambos pontos de partida dão para a mesma trilha, mas cada um faz ela num sentido. Espero ter ajudado! Boa viagem! Um beijo, Juliana

  3. Olá Juliana.
    Exatamente essa trilha estou pensando em incluir em meu roteiro na NZ. Você deu boas dicas :-)
    Mas ainda nao sei onde me hospedar, vc pode me indicar onde é melhor ficar? E será necessário pernoitar duas noites não? Penso em ir de trem até O National Park, a princípio. Também irei sozinha, como você! Ainda estou fazendo o roteiro da Ilha Norte. só sei que saio de Wellington e chego à Auckland e quero conhecer Waitomo Caves e Rotorua! Estou estudando o que encontro…por isso encontrei teu post. foi ótimo!
    Agradeço qq outra informação!
    Bj
    Lys

    • Oi Lys! Essa trilha é maravilhosa mesmo, foi uma das coisas que mais gostei de fazer na NZ. Eu fiquei hospedada na cidade de Taupo e gostei muito, principalmente por causa do Lake Taupo que fica por ali. É um lago com visual lindo que permite a prática de vários esportes. Você pode conhecê-lo na tarde que antecede o dia da trilha, por exemplo.
      O ideal é pernoitar duas noites sim, isso porque o ônibus pega os viajantes cedinho no hotel/albergue e, na volta, você vai estar morta de cansada… Então vale a pena passar a noite para descansar antes de seguir viagem.
      Espero ter respondido o que vc precisava! Se tiver outra coisa em que eu possa ajudar, é só perguntar.
      Um beijo e boa viagem! ;)

      • Sim, foi ótimo!
        Estou agora mesmo comprando as passagens de ônibus para lá, a NZD 1,00!!! Promoção do Intercity. E depois é só reservar o hotel em Taupo!
        Beijos, e obrigada novamente!
        Lys

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s