Os pingentes de osso da cultura Maori, Nova Zelândia

Os pingentes de osso da cultura Maori, Nova Zelândia

21 de agosto de 2013 Off Por Juliana Comparin

Pingentes Maori

Os Maoris são os indígenas da Nova Zelândia (assim como os Índios são para o Brasil e os Aborígenes para a Austrália). Eles chegaram no país entre 1250 e 1300 vindos da região leste da Polinésia e ainda representam cerca de 15% da população atual neozelandesa.

Assim como todo povo primitivo, os Maoris também são donos de uma cultura riquíssima e lutam para que ela não seja esquecida no tempo. Entre os costumes mais marcantes estão a tatuagem no rosto, a Haka (a dança de guerra, aquela dançada pelos jogadores de rugby da NZ antes de uma partida começar), o cumprimento com o toque de nariz e o artesanato.

E falando em artesanato, pingentes esculpidos em formas geométricas são um forte símbolo Maori. Cada desenho carrega um significado espiritual, como sorte, força, sensibilidade e proteção. Os pingentes são feitos de diversos materiais, sendo os mais comuns osso, madeira, prata e jade, e são facilmente encontrados nas lojas de souvenir espalhadas por toda Nova Zelândia.

Em Barrytown, pequena (e põe pequena) cidade da Ilha Sul, o visitante pode criar o seu próprio pingente de osso seguindo as tradições Maori. Ele escolhe o símbolo, o desenha no osso, corta, pule (do verbo polir mesmo) e sai de lá com a sua joia rara no pescoço. Experiência diferente e super cult!