Limite de compras no exterior: entenda os novos valores

Limite de compras no exterior: entenda os novos valores

6 de janeiro de 2020 Off Por Juliana Comparin

Começou a valer no dia 1º de janeiro de 2020 novos valores em relação ao limite de compras no exterior com isenção de tributos para brasileiros. Saiba o que mudou com as medidas publicadas pelo Governo:

Viagens por terra, rio ou lago

As compras feitas no exterior e trazidas para o Brasil por terra, rio ou lago podem agora somar até US$ 500 livres de impostos. O limite anterior era de US$ 300.

Compras em free shops

O limite de compras feitas em lojas de aeroportos e portos conhecidas como free shops, que vendem produtos sem tributos, passou de US$ 500 para US$ 1.000 por pessoa.

Viagens aéreas e marítimas

Já a cota isenta de impostos para produtos trazidos na bagagem em viagens aéreas ou marítimas continua em US$ 500, porém a previsão é de que este valor suba para US$ 1.000 assim que a Receita Federal regulamentar a elevação já aprovada em dezembro de 2019.

Free shop + bagagem

Com o novo limite para compras em free shops, o brasileiro que retornar ao país por via aérea ou marítima pode agora então somar até US$ 1.500 em produtos com isenção de tributos (US$ 1.000 de free shops + US$ 500 de compras trazidas na bagagem).

Quando a cota para compras trazidas na bagagem for elevada para US$ 1.000, o valor somado às compras do free shop será então de US$ 2.000 por viajante.

Você pode gostar também:

2020 terá seis feriados prolongados
Retrospectiva 2019: o turismo no Brasil

Anúncios